Para você quem quer economizar trocando suas lâmpadas convencionais por lâmpadas LED, e está na dúvida em relação a potência, esse é o post. Nele você encontrar tabelas de equivalência quer irão facilitar a sua vida na hora de escolher a lâmpada LED mais adequada.



LED na Iluminação Residencial e Comercial   

A Tabela 1 traz a equivalência entre lâmpadas LED, incandescente,  halógena e fluorescente compacta. 

Tabela 1 Equivalência entre lâmpadas para uso comercial e residencial.

Equivalência entre a Lâmpada LED e a Lâmpada Vapor de Sódio

As lâmpadas de vapor de sódio são largamente utilizadas em iluminação industrial e pública. Na Tabela 2 é mostrado a equivalência entre LED e Vapor de Sódio de Alta Pressão.

Tabela 2 - Equivalência entre Lâmpada LED e Vapor de Sódio.

Equivalência entre a Lâmpada LED e a Lâmpadas fluorescentes T8

As lâmpadas tubulares são classificada conforme o diâmetro em T5, T8, T10 e T12. Quanto menor o diâmetro mais eficiente é a lâmpada. As fluorescentes T8 apresentam um rendimento elevado, apenas perdendo para as T5, nesse quisto. Na Tabela 3 é apresentado a equivalência entre a Lâmpada LED e a T8.

Tabela 3 - LED v.s. T8.

Equivalência entre a Lâmpada LED e a Lâmpadas fluorescentes T5

A lâmpada fluorescente T5 é a mais avançada entre as tubulares, no que se trata de rendimento. Também é a que  apresenta o menor diâmetro, 16 mm. O diâmetro da lâmpada influência diretamente em seu rendimento. Porém mesmo assim a sua equivalente LED é muio superior, Tabela 4
Tabela 4 - Lâmpada LED v.s. Lâmpadas fluorescentes T5.





0 comentários

Seguidores

Eletrônica em Vídeo