O Potenciômetro é um componente eletrônico usada para variar a resistência, pode-se defini-lo como um tipo especial de Resistor. Ou seja, ele é uma resistência elétrica variável (resistor variável). Pode ser utilizando para medir posição, direção, corrente, tensão, etc. O Potenciômetro também serve para ajustar os valores de tensão e corrente de um circuito e dessa forma controlar o valor entrada, amplificação ou atenuação. Conforme for a aplicação tem-se resistores diferentes características, essas se devem a aspectos construtivos, sistema mecânico e as propriedades elétricas dos materiais utilizados na construção do seu elemento resistivo, veja mais sobre em  Tipos de Potenciômetros.  

Figura 1 - Potenciômetro de uma única volta
Funcionamento de Potenciômetro
O potenciômetro é uma resistência que pode ser ajusta por intermédio de um cursor, Figura 2, o qual está em contato com uma resistência ligada a dois terminais. O cursor ou contato móvel tem sua saída ligada ao Terminal Cursor. O Contato móvel do Potenciômetro se desloca do valor zero (ou resistência mínima) ao valor máximo, Figura 2.
Figura 2 - Potenciômentro aberto
Os símbolos do Potenciômetro são apresentados na Figura 3 (a) e (b):
Figura 3 - Símbolos do Potenciômentro.
Modificando o Valor do Potenciômetro
Em muitas aplicações não se tem o valor correto do potenciômetro necessário, ou o valor não é comercial. Para resolver esse problema basta associar um resistor (R1) em paralelo aos pinos 1 e 3 (T1). O valor de potenciômetro equivalente fica Req=(R1*T1)/(R1+T1). 
Figura 4 - alterando o valor do Potenciômetro.
Rev: 10.02.13M

22 comentários

  1. Ricardo Campos // 5 de junho de 2012 17:36  

    Como faço pra aumentar o valor de um potênciometro, pois no exemplo acima só conseguirei diminuir a resistência.
    O caso é que preciso substituir um potenciometro de 20k e só encontrei fisicamente igual de 5k, o problema é que nenhum outro cabe no local.
    Poderia me auxiliar nessa empreitada?

  2. Mauro // 6 de junho de 2012 00:44  

    Olá Ricardo, aumentar a tamanho da resistência do potenciômetro só é possível se vc colocar um resistor em sério, o problema é que seu potenciômetro nunca chegaria a zero, ficária assim: P+R, onde P=5k (essa parcela vc varia) e R=15k (essa parcela é fixa), seu potenciômetro seria de 15-20k, ao invés de 0-20k.
    Caso essa solução não sirva escreva o modelo do seu potenciômetro de 5k para ver se eu acho um de 20k com as mesmas dimensões.

  3. Mauro // 29 de março de 2013 19:42  

    Oi xará. tudo bem?

    Tenho um potenciomentro deslizante de um toca discos que não acho em nenhum lugar, seu valor é b1k quatro pinos. Eu comprando um de 10k daria para fazer esse esquema de mudar o valor? Obrigadão.

  4. Mauro dos Reis // 19 de maio de 2013 23:52  

    Olá Mauro,
    basta colocar um resistor de 1k em paralelo com potenciômetro de 10k.
    A Conta para obter o novo valor do potenciômetro fica:
    Novo_valor=(R*10k)/(R+10k)
    se R=1k, Novo_valor=909 ohms
    se R=1k1. Novo_valor=991 ohms

  5. Anônimo // 2 de junho de 2013 14:02  

    Fala Mauro,

    Qual a fórmula que eu devo usar para descobrir o valor de um resistor no caso de eu ter um pot de 250k e queira baixar seu valor para 50k?

  6. Mauro dos Reis // 2 de junho de 2013 20:49  

    Olá, blz!!
    Formula para alterar (diminuir ) o valor do potenciômetro, por favor, veja a Figura 4 da postagem. Nessa Figura você tem o Potenciômetro T1 e o Resistor R1. Digamos que o novo valor desejado seja T2, então precisamos de uma expressão onde possamos calcular o valor de R1, nesse caso a equação fica:
    R1=(T1*T2)/(T1-T2)

    Tomando como exemplo a dúvida do leitor logo acima: T1= 250k, "quero um novo valor de 50k", ou seja, T2=50k, logo o resistor que devo colocar em paralelo com o potenciômetro (R1) é:
    R1=(250k*50k)/(250k-50k)=62.5k

    Até mais e qualquer dúvida é só perguntar.

  7. Anônimo // 2 de junho de 2013 21:55  

    Muito obrigado, Mauro! Show de bola! Acabei de fazer um programinha que calcula tudo (valor desejado de novo pot, resistores em serie e paralelo). Eu já tinha as outras 2 fórmulas e só faltava essa. Programa testado e finalizado! Obrigado de novo!

  8. DJ Vergalha // 17 de junho de 2013 18:11  

    BOA NOITE AMIGO, POSSUO UM TOCA DISCOS GEMINI, MAS NÃO CONSIGO ACHAR O POTENCIÔMETRO DESLIZANTE DO MESMO QUE É DE 1K, GOSTARIA DE SABER SE TEM COMO TRANSFORMAR UM POTENCIÔMETRO DE 10K EM 1K? FICAREI MUITO AGRADECIDO.

  9. Mauro dos Reis // 18 de junho de 2013 00:46  

    DJ Vergalha, basta colocar um resistor de 1k1 em paralelo com o potenciômetro.
    Para saber como fazer isso verifique a Figura 4 - Alterando o Valor do Potenciômetro.

  10. Anônimo // 24 de junho de 2013 10:34  

    AMIGO, POSSUO UM TOCA DISCOS AMERICAN DJ MAS NÃO CONSIGO ACHAR O POTENCIÔMETRO DESLIZANTE DO MESMO QUE É DE 1K, GOSTARIA DE SABER SE TEM COMO TRANSFORMAR UM POTENCIÔMETRO DE 22KA DO TOCA DISCO TECHNICS EM 1K? FICAREI MUITO AGRADECIDO. ANDERSON

  11. Mauro dos Reis // 25 de junho de 2013 07:42  

    Em relação ao "TOCA DISCOS AMERICAN DJ" o potenciômetro de 22k pode ser alterado para 1k colocando em paralelo um resistor de 1k (conforme a Figura 4 do post).Nesse caso a resistência equivalente fica 957 ohms.
    Também dá para usar o valor comercial de resistor de 1k1 nesse caso o potenciômetro fica com um valor de 1,04k.

  12. Anônimo // 4 de julho de 2013 20:26  

    Caro amigo, tenho uma bomba eletrica de agua que trabalha com 12 v dc. Gostaria de saber se comsigo controlar a vazao da bomba colocando um potenciometro na linha de alimentacao (positivo da bomba). consigo por exemplo, variar de 2 a 12 v ? obrigado desde ja. Roberto.
    roberto.andre@globo.com. abraco.

  13. Mauro dos Reis // 5 de julho de 2013 11:12  

    Roberto,
    Para controlar a velocidade do motor vc pode usar um potenciômetro especial chamando Reostato. Ele suporta potências maiores que o potenciômetro, mas tem a mesma filosofia de funcionamento. Apenas fique atento que o Reostato para a corrente solicitada pelo motor, ela deve ser igual ou maior que a suportada pelo reostato.
    Outra opção será utilizar um circuito eletrônico para isso, caso vc tenha interesse nessa opção posta um comentário aqui no blog.

  14. Vilmar Bannach // 10 de agosto de 2013 19:51  

    Olá
    Teria com substituir um potenciômetro de controle de tensão (analógico) por uma digital com LCD ou display?

    mrbannach@me.com

    Obrigado
    Vilmar

  15. Mauro dos Reis // 11 de agosto de 2013 11:13  

    Olá Vilmar Bannach,
    sim é possível, você pode utilizar dois fios para conectar a saída do potenciômetro digital no local onde estava conectada o potenciômetro analógico. Ou fazer uma placa adaptadora.

  16. Ney Gomes De Souaa Gomes // 12 de outubro de 2013 18:02  

    Como que vou saber que o que eu preciso e compatível com qual eu tenho e preciso trocar, se for parecido vai fazer a mesma coisa é couber no local .

  17. Henrique // 12 de outubro de 2013 23:10  

    Olá , ocÊ saberia me explicar o porque exatamente de termos que unir o terminal do meio com um dos laterais ao utilizarmos apenas 2 pinos do potenciometro? Quando eu quero usar o pot apenas como um resistor variável de 2 pernas , eu uso a do meio + uma das laterais e deixo a outra lateral desconectada. Mas ouvi dizer que assim não é bom.

  18. Fernando Larrosa // 22 de outubro de 2013 23:55  

    Oi Mauro,
    meu nome é Fernando Larrosa, estou fazendo um dosador de cloro para meu aquário. Comprei um motor de 12V, um redutor de 60 r.p.m., liguei numa fonte de video 12DC 1A,liguei na bomba que tem temporizador e funciona bem, porém manda muito produto,
    Pergunta: Posso colocar um potenciômetro ou reostato para diminuir a velocidade do motor?
    Ou como seria esse circuito eletrônico que você comentou no dia 5 de julho de 2013?
    Meu dosador manda 20 ml quando liga, eu quero que mande 3 ml. Desde já agradeço sua atenção.
    Cordialmente
    Fernando Mario Larrosa Briano
    larr037txusa@ig.com.br
    Porto Alegre RS

  19. amaroas // 28 de outubro de 2013 17:33  

    Olá, boa tarde.
    Não consigo achar um potenciômetro log, duplo, com chave de 1,3M. Posso usar maior (se achar no mercado) com uma resistência em paralelo? Ou um menor (só encontro de 1M) sem resistência em série? Afeta muito o resultado final? Queima, aguenta o tranco ou é pane na certa. Pergunto por achar que jamais usaria o volume no limite máximo. Mas.....

  20. Anônimo // 14 de novembro de 2013 22:23  

    olá, boa noite!!!

    Amigo estou com um potenciômetro 100k marca Alps, preciso dele com 20k me dá uma força e me passa como fazer... qualquer coisa me manda por e-mail: almir@pastoralmir.com muito obrigado desde já!

  21. Mauro dos Reis // 5 de dezembro de 2013 20:57  

    Olá Fernando Larrosa,
    qual seria a corrente que seu motor consome? Você poderia usar uma fonte com uma tensão menor, mas só testando para chegar ao valor correto, tenta uma fonte de 5 volts para começar.
    Att
    Mauro

  22. Mauro dos Reis // 13 de dezembro de 2013 07:44  

    Ney Gomes,
    não, você precisa saber o valor e se seu potenciômetro é linear ou logaritmo.

Seguidores

Eletrônica em Vídeo